escritório

escritório

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

MUDANÇA DE TOM DA PRESIDENTE NO ANÚNCIO DA REDUÇÃO DE ENERGIA


A interferência do ex-presidente Lula na gestão da presidente Dilma, e uma remota possibilidade dele voltar à política, mudaram o tom dos pronunciamentos da presidente.

Ontem, ao anunciar o desconto que o governo dará nas contas de energia, a presidente passou o tempo todo na telinha da TV, se defendendo.

Fez um discurso na defesa o tempo inteiro. E defendia atacando quem acha isso, que é do contra, que fez isso..

Ou seja, críticas ao retrovisor.

E o retrovisor dela é Lula.

Muito sutilmente, mas Dilma apontou a arma para seu antecessor.

E para mostrar que é boa de mira, deu um desconto em cima do desconto.

A redução que seria de 16% para consumidores residenciais, passa a ser de 18%.

No caso das indústrias, o desconto passa dos 28% previstos anteriormente para 32%.

A redução do custo da eletricidade já entra em vigor hoje.


fonte: Thaisa Galvão

Nenhum comentário:

Postar um comentário