escritório

escritório

domingo, 24 de fevereiro de 2013

OMISSÃO DO GOVERNO ROSALBA PREJUDICA FUTEBOL POTIGUAR


Penso que a discussão sobre o uso do Arena das Dunas tem que ser ampliada e sair apenas do círculo do América. É um assunto que diz respeito ao futebol potiguar como um todo.
Desde que recebeu o estádio Machadão e toda aquela área da prefeitura do Natal, o governo do estado, assumiu uma responsabilidade que não está sendo cumprida.
A omissão de dona Rosalba em relação ao futuro aproveitamento do Arena das Dunas é séria. Não se tem conhecimento de nenhuma ação neste sentido, o que me dá o direito de levantar a seguinte questão: O governo de dona Rosalba tem compromisso com o futebol do RN ou com a empreiteira que está construindo o Arena das Dunas, e que recebeu o que tem de melhor no RN como garantia e portanto não corre nenhum risco? Bem diferente do futebol que não teve, não tem e tudo indica não terá nenhum tipo de privilégio deste governo.
Uma omissão covarde – toda omissão é covarde – de um governo que virou as costas para o futebol, e que apenas assiste aumentar um problema que foi criado por ele, governo e que hoje tem dona Rosalba com representante, mas que na verdade vem lá de trás.
A discussão tem que ser esta, qual será o destino do Arena das Dunas, qual a ação do governo para viabilizar o uso do estádio para o futebol potiguar, independente da atual discussão envolvendo o América que tem o direito líquido e certo de querer jogar no Arena das Dunas.
E se o torcenauta quiser dá para ampliar o assunto, levando paraos estádios Marizão e Nogueirão, que estão transformados em retratos vivos do abandono.
Pelo que conheço do presidente José Vanildo, ele não vai ficar de braços cruzados diante do caos que está instalado.

Marcos Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário