escritório

escritório

terça-feira, 19 de abril de 2016

ARMÍNIO FRAGA DIZ QUE NÃO ASSUMIRÁ O MINISTÉRIO DA FAZENDA

Painel
No dia seguinte à votação do impeachment, Michel Temer jantou com Aécio Neves e Armínio Fraga.
De acordo com peemedebistas, o vice ouviu que o economista não assumirá o Ministério da Fazenda, mas está disposto a auxiliar, de fora, um eventual novo governo.
O PSDB seguirá o mesmo princípio: ajudará no que for preciso para tirar o PIB do chão, mas sem ocupar cargos.
Se alguém no partido decidir integrar um ministério, terá de fazê-lo na cota pessoal de Temer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário