escritório

escritório

quinta-feira, 28 de abril de 2016

FIM DA REELEIÇÃO

O vice-presidente Michel Temer pode encaminhar ao Congresso projeto de lei acabando com a reeleição no Executivo já valendo para 2018.

O que inviabilizaria sua própria reeleição, caso o impeachment de Dilma Rousseff seja aprovado e ele assuma o governo.

O projeto foi a promessa de Temer ao PSDB para ganhar apoio do partido ao impeachment.

Caso o projeto vá além da promessa e seja aprovado no Congresso, Temer não poderá ser reeleito.

Assim como os governadores que cumprem atualmente o primeiro mandato.

Os prefeitos eleitos em outubro próximo também não poderão buscar o segundo mandato.

Na semana passada, uma coluna do Globo publicou nota dizendo que o projeto de fim da reeleição pode ser votado ainda no primeiro semestre.

THAÍSA GALVÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário