escritório

escritório

segunda-feira, 20 de junho de 2016

NATAL: SINDICATO VAI DENUNCIAR IRREGULARIDADES

Por Ayrton Freire

A desorganização vista durante a aplicação das provas do ‘Concurso da Saúde’ demonstra que ainda renderá muitos capítulos. Na tarde desta segunda-feira (20), um dia após a realização do exame, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Natal (Sinsenat) anunciou que vai ao Ministério Público “protocolar todas as denúncias de irregularidades recebidas”.

Em seu site  oficial, o Sinsenat informou que “a Assessoria Jurídica do Sindicato foi acionada e está trabalhando na apuração do conteúdo recebido” e que a ida ao MP ocorrerá já nesta terça-feira (21), às 11h30.

Na aplicação do exame, os cadernos de prova do concurso promovido pela Prefeitura do Natal não foram suficientes para todos os candidatos que pleiteiam as seis vagas como fisioterapeutas. Além disso, as avaliações para os que concorrem a duas vagas de mastologistas continham falhas de impressão.

Os erros levaram o Grupo Makiyama Recursos Humanos & Tecnologia – responsável pela organização do concurso -, a comunicar que “para que nenhum candidato seja prejudicado as provas aplicadas para os cargos de Fisioterapeuta e Médico Mastologista serão reaplicadas”.

De acordo com Sinsenat, o sindicato “buscou durante anos, a realização do concurso público da Saúde em Natal”. Ainda segundo a instituição, assim que o certame foi confirmado foram promovidos cursos preparatórios gratuitos e abertos ao público.

Nenhum comentário:

Postar um comentário