escritório

escritório

quinta-feira, 20 de julho de 2017

RODRIGO MAIS RECLAMA DA FALTA DE LEALDADE DE TEMER

Estado
O presidente Michel Temer passou o dia tentando desfazer o mal-estar com Rodrigo Maia, depois de oferecer espaço no PMDB para dissidentes do PSB que negociam com o presidente da Câmara para se juntarem ao DEM.
A turma do deixa disso também foi acionada e um jantar foi feito para salvar as aparências.
Mas, para interlocutores, Maia deixou clara a sua insatisfação: “o governo só quer lealdade se for a favor dele”, reclamou.
Maia não pretende alimentar a crise.
Mas fez questão de registrar com Temer sua queixa com o movimento feito.
Vão vocês. Até o dia anterior, Maia pretendia se juntar hoje a Temer em Caruaru, aonde seria lançado o programa Cartão Reforma, do Ministério das Cidades. Irritado, avisou que tinha outra agenda no horário.
O governo adiou o evento para a semana que vem.
 Mal-me-quer. Líder do Governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR) precisou ligar para o presidente do DEM, senador Agripino Maia (RN), para negar que tenha havido traição aos democratas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário