escritório

escritório

terça-feira, 4 de abril de 2017

JOÃO MAIA ACUSADO DE COBRAR PROPRINAS

O BlogdoBG teve acesso a delação de Gledson Maia, sobrinho do ex-deputado João Maia e da deputada Zenaide Maia. Gledson foi preso pela Polícia Federal na Operação Via Ápia em 2010 que investigou fraudes no DNIT potiguar.


Gledson assinou com o Ministério Público Federal um acordo de delação premiada em dezembro de 2016, seis anos após ter sido preso na operação Via Ápia. Na delação ele afirma que o tio e ex-deputado João Maia teria cobrado propina de empreiteiras contratadas pelo DNIT, e que essas propinas abasteciam a estrutura política do então deputado. Gledson também afirmou que grande parte do dinheiro desviados foi para a campanha de 2010 onde o dinheiro abasteceu campanha de candidatos a deputados estaduais, lideranças políticas e vereadores.

O ex-deputado João Maia ao portal G1RN disse que não ia se manifestar até ter conhecimento do que está sendo citado.






RESPOSTA DE JOÃO MAIA



A imprensa divulgou nesta terça-feira (04) notícia sobre delação premiada do Sr. Gledson Golbery de Araújo Maia, ex-chefe do serviço de engenharia do DNIT no Rio Grande do Norte, na qual eu sou acusado de ter sido favorecido por irregularidades cometidas naquele órgão.

O processo tramita em segredo de Justiça, e por isso ainda não tive acesso aos autos e ao conteúdo da delação, providência essa que os meus advogados já requereram e que aguarda deferimento para que eu, conhecendo de que sou acusado, possa me defender.

Confio plenamente no Poder Judiciário, e tenho a mais firme convicção de que as investigações irão distinguir a mentira da verdade, e ao final demonstrar que são acusações infundadas de quem busca culpados para as suas próprias fraquezas.

João da Silva Maia

Ex-deputado federal e Presidente Estadual do PR





Nenhum comentário:

Postar um comentário