escritório

escritório

segunda-feira, 30 de maio de 2016

TEMER DECIDIU MANTER MINISTRO DA TRANAPARÊNCIA

Depois de duas horas de reunião com o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, o presidente em exercício Michel Temer decidiu manter Fabiano Silveira no cargo de ministro da Transparência, Fiscalização e Controle. Fabiano foi indicado pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o governo o manterá à frente do ministério como forma de evitar desgaste com o cacique peemedebista. O ministro foi flagrado em áudios orientando Renan e o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado a se defenderem na Operação Lava Jato.
Em protesto contra Fabiano Silveira, os chefes de 23 representações estaduais da CGU e outros 200 ocupantes de cargos de direção e assessoramento superior (DAS) anunciaram a entrega de seus cargos. Eles afirmam que não trabalham com o novo ministro e cobram a imediata saída de Fabiano, flagrado em conversa gravada orientando o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado a se defenderem na Operação Lava Jato

blog do Primo

Nenhum comentário:

Postar um comentário