MINISTÉRIO DA SAÚDE VAI EXONERAR SERVIDOR ACUSADO DE COBRAR PROPRINA

O diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, será exonerado do cargo. A informação foi confirmada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, à repórter da CNN Rachel Vargas.

A exoneração deve ser publicada nesta quarta-feira (30) no Diário Oficial da União.

Segundo o jornal “Folha de S.Paulo”, o empresário Luiz Paulo Dominguetti Pereira, que se apresenta como representante da empresa Davati Medical Supply, disse que teria recebido pedido de propina de US$ 1 por dose de vacina da Astrazeneca m troca de fechar contrato com o Ministério da Saúde.

Ele afirmou, ainda de acordo com o jornal, que o diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, teria cobrado a propina em um jantar em Brasília.

CNN

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MEGA-SENA ACUMULOU